Katia Arantes

 

Fotógrafa há 30 anos, a paulista Kátia Arantes é formada pela Escola Panamericana de Artes de São Paulo  com cursos em  New Orleans pela Kodak do Brasil, Senac e ESPM.

Iniciou sua carreira com um dos grandes mestres da fotografia de Produto, o oriental Nakamura.

Como colaboradora, suas lentes já estiveram a serviço da Folha de São Paulo, das revistas Som Três sob direção de Maurício Kubrusly, Club Renault e revista “Sua Boa Estrela” (Mercedes Benz), onde especialmente também atuou, entre 1992 e 1996, como fotógrafa contratada pelo departamento de comunicação, tornando-se a primeira mulher a ocupar tal cargo mundialmente pela marca.

Em  parceria com a B.Ferraz durante 6 anos  fotografou grandes eventos de grandes marcas.

Em 2011 foi contratada por 2 anos pela Dabster Comunicação onde trabalhou como fotógrafa dentro do departamento de criação da agência.

Além de fotografar para Agências de  Eventos e Publicidade, vem crescendo seu interesse pela fotografia de Hotelaria e Gastronomia e atualmente atende ao Grupo Vimotur  e nomes conhecidos da Gastronomia como Vinicius Rojo e  Fabrice Le Nud.

Sua experiência vai da área publicitária à de eventos e gastronomia e sua  carteira de clientes está assinada por grandes marcas em diversas áreas 

  • Mercedes Benz, Renault, ,BMW, Nissan, Maserati, 
  • Audi , Toyota-Lexus , Hyundai, Abrahy,Abracop
  • Mizuno  ,Good Year, Unilever (Lux), Centrum (Polivitamínico), 
  • Laboratorios Médicos Roche/Pfizer/ Boehringer /Sanofi/Actelion
  • Mastercard, Visa (Cirque du Soleil), 
  • Bradesco, Rede Accor, Gafisa, Claro, Santander, Itáu
  • Petrobras, Ferrari (GP do Brasil de Formula 1),
  • SkolBeats, ,Nickelodeon, Super  Casas Bahia
  • HP do Brasil, Mongeral Seguros, Gerdau, Bosch
  • Azaléia , Avon, Unilever, 
  • Rojo Gastronomia,  Patisserie Douce France, 

Através de coberturas fotográficas para eventos como “Hollywood Rock”, Free Jazz e trabalhos desenvolvidos para gravadoras e a revista “Som Três”, desenvolveu-se o material fotográfico que foi apresentado na exposição LUZ DO SOM.

Sua exposição mais recente Heróis Urbanos  se destaca pela criatividade e pela técnica fotográfica da perspectiva forçada com um forte tema ligado a Arquitetura e a Cultura POP.

Destaque para seu olhar apurado e participação em concursos   nacionais e internacionais  de fotografia onde já conseguiu boas classificações.

 

Exposições Fotográficas

“LUZ DO SOM” – no MAC  (Museu de Arte Contemporânea de São Paulo)

“FOTO JAZZ” – casa noturna Sanja Bar – SP

PRÊMIO PORTO SEGURO DE FOTOGRAFIA  - Exposição coletiva de 11/05 à 07/06 de 2001.Espaço Porto Seguro de fotografia.

HERÓIS URBANOS  – SENAC – Lapa Scipião de 01/06 à 20/06/2012

PAIXÃO VERDE E AMARELA – Ensaio selecionado para o XVII Encuentros Abiertos – Festival de La Luz “ no Centro Cultural Recoleta em Buenos Aires em Agosto de 2012.

HERÓIS URBANOS – CENTRO CULTURAL SÃO PAULO – GIBITECA HENFIL, de 11/09 à 28/10/2012.

HERÓIS URBANOS – ESPAÇO CULTURAL PORTO SEGURO-Curadoria Marco Griesi, de 15/05 a 28/07/2013.

HERÓIS URBANOS -  ESPAÇO CULTURAL DO CENTRO UNIVERSITÁRIO BELAS ARTES DE SÃO PAULO, de 05/09 à 05/10/2013

 

Palestras

  • 2009 - A Construção do Olhar na Fotografia de Eventos Empresariais Palestrante no segundo Congresso Integrado do Conhecimento – Instituições Superiores Salesianas.
  • 2013 - Processo criativo da Exposição Heróis Urbanos. Palestrante  no dia 18 de setembro às 20h00 na Unidade 3 do Centro Universitário Belas Artes de São Paulo , para os alunos do curso Superior Tecnológico de Fotografia.

 

Trabalhos fotográficos como voluntária 

  • Instituto NINA Rosa
  • Sorriso do Bem
  • ANDA

 

Ensaio fotográfico baseado no filme Melancolia de Lars Von Trier.

A melancolia seria um estado de tristeza e desencanto geral e até mesmo a depressão que pode chegar a uma fase da psicose maníaco – depressiva.

No caso do filme ,“Melancolia” é o nome do planeta que passou séculos “escondido” atrás do sol e agora se aproxima em rota de colisão com a terra. "O que fazer diante do inevitável? Esta é a pergunta feita por este filme, usando como pano de fundo o choque entre os planetas.

Para iniciar o meu ensaio, resolvi fotografar a lua cheia e imaginar que ela seria o planeta Melancolia em rota de colisão com a terra e assim comecei a criar imagens que me ajudariam a entrar na atmosfera do filme e refletir sobre minhas dúvidas e questionamentos em relação ao fato catastrófico que colocaria fim à existência humana sem tempo para nos prepararmos para o final. Uma colisão entre planetas seria uma ameaça a qual não temos nenhuma defesa!

Os Ensaios foram realizados sempre em noites bem claras de lua cheia e de Eclipses. Todas as imagens foram captadas através de diferentes tipos de galhos secos no primeiro plano. Assim como a personagem Justine fez no filme, também criei uma “ caixa mágica” feita de galhos para me sentir psicologicamente protegida no momento final da Colisão entre os planetas.

Após a edição, utilizei diversas ferramentas digitais para trabalhar as imagens e criar a atmosfera do meu imaginário em relação a trajetória do  planeta Melancolia em suas diversas fases de aproximação da terra.

O Ensaio inicia com a construção de um abrigo poético onde temos a visão da aproximação do planeta através dos galhos, seguido do momento da colisão até a liberação dos fragmentos e da possível formação de um novo ciclo de vida em forma de embriões.

Por fim dividi o Ensaio “Melancolia” em 5 Episódios : Abrigo/ Aproximação / Colisão /Fragmentos/ Embriões e cada Episódio possui 4 imagens totalizando 20 imagens .

 

Informação de Contato:

email: katiaarantes@uol.com.br

cel.: (11) 99980-2844

 

Mais Sobre mim:

Website: www.katiaarantes.com.br

Heróis Urbanos: www.heroisurbanos.com.br